Makro leva consumidores às lojas em parceria com o Waze


Rede de atacarejo começou a anunciar na plataforma para atrair consumidores para as lojas físicas. Waze indica qual a unidade do Makro mais próxima do motorista.

Makro leva consumidores às lojas em parceria com o Waze

Waze indica qual a unidade do Makro mais próxima do motorista

O Makro firmou uma parceria com o Waze para levar os usuários da plataforma às unidades da rede. A empresa colocou anúncios na plataforma para mostrar quando os motoristas passam por uma de suas unidades. Segundo o Makro, o resultado da campanha foi positivo e a rede conseguiu 5 milhões de pessoas.

A companhia ativou três de tipos de anúncios no Waze: letreiros que mostram onde estão as lojas da rede, o “Zero Speed Takeover”, outdoor que é exibido para audiência selecionada em qualquer circunstância em que o carro para, além de aparecer em primeiro lugar quando alguém pesquisa um destino.

Com a campanha, o Makro alcançou números expressivos: 173,9 mil engajamentos, 86,6 mil cliques e 35,3 milhões de impressões.

“Com os resultados que já tivemos, nós acreditamos que o Waze é uma ferramenta importante para aumentar as visitas às nossas lojas usando o conceito ‘drive to store’, e acreditamos em trabalhar insights online e offline para melhor atender nossos clientes”, afirma Claudia Vilhena, gerente de marketing do Makro.

Apoio ao varejo físico

O Waze é uma plataforma que apoia as lojas físicas, levando os consumidores a elas. A empresa afirma que leva 2 pessoas a visitar lojas anunciadas a cada segundo, e ajuda motoristas a escolher os melhores caminhos durante suas jornadas e a economizar tempo dirigindo.

O aplicativo registrou um aumento de 300% nas buscas por “lojas próximas”, já que os mapas da plataforma também mostram as lojas de uma marca ou segmento específico que estão perto do motorista, ajudando os usuários a aproveitarem o caminho e otimizarem seus trajetos.

“Waze ajuda marcas a se conectarem aos consumidores de maneira mais efetiva e natural, e não apenas apoia o motorista a encontrar os melhores caminhos, mas é também uma plataforma para auxiliá-lo em suas necessidades diárias”, diz Fernando Belfort, Country Lead de Waze Local.

Fonte: NoVarejo

Publicidade

Facebook desenvolve plataforma de pagamentos no WhatsApp


Facebook desenvolve plataforma de pagamentos no WhatsAppO Facebook está a desenvolver uma plataforma de pagamentos para a sua rede social WhatsApp, segundo avança o The Financial Times (FT). Apesar de toda a confusão com o Brexit, a capital britânica está a ser utilizada como centro de desenvolvimento para este novo recurso de pagamentos, encontrando-se a maior rede social a contratar pessoas para os seus escritórios em Londres.

Ao FT, fonte do Facebook avançou que, embora a maioria dos novos engenheiros de software do WhatsApp será contratada em Londres, também serão contratados novos funcionários de operações para a sede europeia da rede social de Mark Zuckerberg em Dublin, na Irlanda. 

Num comunicado emitido pela empresa, Matt Idema, diretor de operações do WhatsApp, refere que estarem “ansiosos para trabalhar com alguns dos melhores especialistas técnicos e operacionais em Londres e Dublin para levar o WhatsApp à sua segunda década”.

“O WhatsApp é um serviço verdadeiramente global e essas equipas ajudar-nos-ão a fornecer pagamentos WhatsApp e outros recursos aos nossos utilizadores“.

Recorde-se que o Facebook comprou o WhatsApp por 19 mil milhões de dólares (cerca de17 mil milhões de euros), em 2014, esperando o CEO Mark Zuckerberg que a introdução de pagamentos na rede social traga um fluxo de receita potencial.

O WhatsApp possui 1,5 mil milhões de utilizadores em todo o mundo, mas a aplicação é bem mais popular fora dos EUA.

Falando na recente conferência anual F8 do Facebook, Zuckerberg admitiu que os pagamentos móveis do WhatsApp seriam lançados em vários países em 2019, após um teste inicial na Índia.

Fonte